Dica 05: Otimizando o uso do swap e da memória ram

Dica 05 – Originalmente postada na lista Linux Ufms em 11 de agosto de 2004.

Dica 05: Otimizando o uso do swap e da memória ram

Pessoal,

faz algum tempo que não envio nada para a lista … tempos corridos :/
Bem, estou preparando uns textos sobre como melhorar o desempenho
geral de um sistema Linux e com isso, vou publicar a primeira parte aqui:

Otimizando o uso do swap e da memória ram

Nas últimas versões do kernel 2.6.x (se não me engano da 2.6.6 em
diante), se tornou possível configurar manualmente como o Linux vai
decidir o quanto de memória vai ou não para swap.
Você pode visualizar a configuração atual desta maneira:

# cat /proc/sys/vm/swappiness
60

Ou, de uma maneira “mais elegante”:
# sysctl -a|grep swappiness
vm.swappiness = 60

Os valores podem variar entre 0 e 100, sendo que 0 significa que
o kernel vai tentar manter toda a memória alocada na ram e 100
significa que o kernel vai tentar mover toda a memória alocada
mas não usada no momento para o swap.

– Como isso pode afetar o desempenho da máquina ?
Com valores muito altos para swappiness, o Linux quase sempre
terá memória ram livre, permitindo que aplicativos sejam carregados
mais rapidamente e que os softwares em uso no momento, caso precisem
alocar mais memória, tenham a memória alocada mais rapidamente, pois
o sistema terá memória ram livre (e não memória no swap livre).

Com valores muito baixos para swappiness, o Linux tentará manter toda
a memória alocada na ram. A vantagem é que provavelmente a memória
alocada por um software estará na ram (mais rápida que o swap), caso
você fique muito tempo sem usar um software que esteja aberto
(minimizando ele, por exemplo), ele provavelmente retornará para uso
em um tempo mais rápido.

– Então, qual o melhor valor para swappiness ?
Isto depende de quais softwares você utiliza mais, depende de quanto
de memória ram você tem instalada no sistema, dentre outras coisas.
Se você tiver pouca memória ram, provavelmente um valor mais alto
para swappiness vai melhorar o desempenho do sistema, deixando ram
livre. Se você tiver muita memória ram, provavelmente um valor mais
baixo para swappiness vai melhorar o desempenho, porque se você tiver
ram suficiente para rodar seus softwares, por que alocar a memória
para eles no swap ?

Sendo assim, fica como sugestão realizar vários testes com valores
diferentes para swappiness e, depois de realizados, deixar setado
com o valor que melhor se adequou ao seu sistema. Ah sim, aumente
em incrementos grandes, algo como de 10 em 10 ou 20 em 20… de um
em um você não irá perceber a diferença e ainda fica bem demorado
pra terminar de testar :)
Na minha estação (um notebook Toshiba com 196 Mbytes de ram, onde
sempre tenho o Mozilla, o OpenOffice, o Gaim e o Gnome executando
num Fedora Core 2), o valor que melhor se adaptou foi o de “80”.

– Como alterar o valor para swappiness em tempo de execução ?
#sysctl -w vm.swappiness=XX
Ou
#echo XX > /proc/sys/vm/swappiness
(onde XX é o valor que você quer setar, lembrando que o intervalo
é entre 0 e 100)

– Como fixar este valor de swappiness para que não volte para
o default no próximo boot ?
Edite /etc/sysctl.conf e adicione a seguinte linha (ou altere,
caso não existir no arquivo):

vm.swappiness = XX

Salve o arquivo e pronto.

Qualquer comentário, dúvida ou sugestão, envie um email para
a lista.

3 comentários em “Dica 05: Otimizando o uso do swap e da memória ram”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *